As Mais Belas Cascatas de Portugal | Como Ir e Onde Ficar

Descubra as mais belas cascatas de Portugal com dicas sobre como ir e onde ficar. Aproveite a nossa sugestão e descubra autênticos paraísos em plena Natureza.

As quedas de água são autênticas maravilhas naturais que vale a pena conhecer em qualquer época do ano.

As sugestões apresentadas incluem pacotes de alojamento em unidades de turismo rural ou casas de férias para desfrutar ao máximo as suas férias.

Se procura um destino de natureza para as suas próximas férias aproveite as nossas sugestões e descubra as mais belas cascatas de Portugal.

Cascata Fecha de Barjas (Tahiti)

Cascata Fecha de Barjas (Fonte: Câmara Municipal de Terras de Bouro)

A cascata Fecha de Barjas, também conhecida pela cascata do Tahiti, está localizada nas proximidades da aldeia de Ermida, no concelho de Terras de Bouro, em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês.

A cascata, alimentada pelas águas do rio Arado, é considerada uma das mais belas quedas de água do Gerês, sendo muito procurada pelos turistas nos meses de Verão.

Cascata do Arado

Razevedo172010, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons

A cascata do Arado, localizada nas proximidades da aldeia de Ermida, no concelho de Terras de Bouro, em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês é uma autêntica maravilha natural com um enquadramento paisagístico único.

A queda de água, alimentada pelo rio Arado, está situada a cerca de 900 metros de altitude, sendo constituída por uma sucessão de cascatas entre as rochas.

Cascata das Fisgas de Ermelo

Cascata de Fisgas do Ermelo (Fonte: Câmara Municipal de Mondim de Basto)

A cascata de Fisgas de Ermelo, localizada no concelho de Mondim de Basto, é uma autêntica maravilha da natureza em pleno Parque Natural do Alvão. O percurso está bem sinalizado. No entanto, exige algum esforço físico, atendendo às características do piso cascalhento e ao desnível acumulado de cerca de 650 metros.

Cascata da Portela do Homem

Por Beatriznog10 – Obra do próprio, CC BY-SA 3.0

A cascata da Portela do Homem ou de S. Miguel, localizada no concelho de Terras de Bouro, encontra-se encaixada pelas rochas graníticas, sendo alimentada pelo rio Homem. A cascata é uma sucessão de pequenas quedas de água, originando uma lagoa de águas calmas que é muito apetecível para ir a banhos nos meses de Verão.

Cascata Fraga da Pena

Cascata Fraga da Pena (Fonte: Câmara Municipal de Arganil)

A cascata da Fraga da Pena, localizada no concelho de Arganil, é uma autêntica maravilha da natureza em plena Mata da Margaraça, inserida na Área Protegida da Serra do Açor.

Cascata Poço do Inferno

Por Muaddib2015 – Obra do próprio, CC BY-SA 4.0

A cascata do Poço do Inferno no coração do Parque Natural da Serra da Estrela é uma maravilha da natureza com vistas panorâmicas para as montanhas e para o vale de Manteigas.

A queda de água, localizada a cerca de 1100 metros de altitude, possui 10 metros de altura, e é alimentada pelas águas da ribeira de Leandres.

Cascata das 25 Fontes

Por Eric Wüstenhagen, CC BY-SA 2.0

A cascata das 25 Fontes, localizada no Paul da Serra, na ilha da Madeira, possui um enquadramento paisagístico encantador rodeada pela floresta Laurissilva e por quedas de água.

Cascata do Penedo Furado

Cascata do Penedo Furado (Fonte: Câmara Municipal de Vila de Rei)

A praia fluvial, os passadiços e a cascata do Penedo Furado, localizados no concelho de Vila de Rei, são três locais que vale a pena conhecer num passeio pelo Centro de Portugal. A cerca de 700 metros da praia fluvial vai encontrar a cascata do Penedo Furado, outro dos atrativos deste local. O percurso encontra-se sinalizado e não demora mais do que 15 minutos a pé a fazer, ao longo dos Passadiços do Penedo Furado, junto à ribeira do Codes.

Cascata Poço do Ribeiro do Ferreiro

Cascata Poço do Ribeiro do Ferreiro

A Cascata Poço do Ribeiro do Ferreiro, também conhecida como Poço da Alagoinha, está localizada na freguesia da Fajã Grande na ilha das Flores, sendo um ponto de paragem obrigatório para quem visita esta ilha açoriana. As quedas de água impressionantes, que se destacam da vegetação verdejante das escarpas, integram a Zona da Reserva Natural do Morro Alto e Pico da Sé.

Aproveite as nossas sugestões e descubra estas belas cascatas de Portugal na companhia da família ou de amigos.

Partilhar.